Serie O Corpo da Cidade | EP 05 – Cidade e Dissidência

As questões LGBT não se resumem ao afeto, ao modo como as pessoas vivem suas sexualidades e gênero. “Ser LGBT nos localiza na sociedade, no mundo, em relação à família, ao trabalho, à vida pública como um todo”, diz a educadora popular, pesquisadora independente, travesti e mãe, Amanda Palha.

No quinto e último episódio da série-pílula ‘O Corpo da Cidade’, é Amanda quem nos provoca a pensar como construir cidades em que corpos dissidentes, como o dela, não precisem obrigatoriamente resistir, mas possam viver plenamente. As respostas não são binárias. Para começar, ela nos convida a pensar o lugar da família, dos corpos e da resistência. Nós convidamos a escutá-la.

“A experiencia travesti atravessa as expectativas sobre gênero não só na dimensão do que era para ser homem, era para ser mulher. É atravessada no sentido de que a gente está falando outra linguagem”.


A série O Corpo da Cidade é uma realização do Fórum Nacional de Reforma Urbana, com apoio da União Europeia, para discutir o direito à cidade através da voz e do olhar de mulheres diversas sobre a cidade.

Direção e roteiro: Chico Ludermir
Fotografia: Sandokan Xavier | Chico Ludermir
Imagens aéreas: Olívia Godoy | Rennan Peixe
Som: Sandokan Xavier
Montagem: Layane Santos | Maroca da Silva | CaioZ
Finalização: CaioZ
Design de créditos: Katarina Scervino
Produção executiva: Débora Britto | Julia Magnoni

Compartilhar: