Relatório | Missão-denúncia – Fortaleza/CE

Durante os dias 17 a 19 de novembro de 2021, Fortaleza recebeu a segunda Missão-Denúncia organizada em parceria pelo Fórum Nacional de Reforma Urbana (FNRU), a Campanha Nacional Despejo Zero e outras dezenas de redes, entidades e movimentos populares regionais e nacionais.

A missão em Fortaleza passou por territórios e comunidades com lutas históricas pelo direito à moradia na cidade e ocupações recentes que enfrentam ameaças de despejos e remoções com uso da força policial.

Em plena pandemia de covid-19, de junho a outubro de 2021, Fortaleza teve um aumento de mais de 90% de famílias ameaçadas de despejo, de acordo com levantamento do Escritório Frei Tito de Alencar. Esse cenário se deve em grande parte a um aumento das ordens de reintegração de posse no Ceará. Também em 2021, dez pessoas foram presas em ações truculentas de despejo e ainda continuam respondendo a processos judiciais de natureza criminal.

Em 2020, o Ceará foi o quinto estado com mais despejos no Nordeste, de acordo com a Campanha Despejo Zero.

As denúncias averiguadas e as recomendações da comitiva nacional compõem o relatório, que está disponível para download.

Confira a página especial com a memória da Missão-Denúncia Em Defesa do Direito à Moradia adequada, ao território e contra os despejos na cidade em Fortaleza/CE:

Compartilhar: